Rio de Janeiro, 20 de Dezembro de 2019 | Ano 13 | Nº 686

Cerimônia premiou os três melhores artigos de professores da ENS

Iniciativa conta com apoio da Fenacor e da CNseg

  • Da esq. para dir.: Gabriel Schulman, Tarcísio Godoy, Edison Quirino D’Amario e Raquel Ferreira da Silva. | Fotos: Miriam Jeske.
  • Dirigentes e colaboradores da ENS.
  • Neyze Pereira Rocha e Marcelo Camacho Rocha, viúva e filho de Gumercindo Rocha Filho, receberam, in memoriam, homenagem das mãos de Armando Vergilio.
  • Da esq. para dir.: Gabriel Schulman, Tarcísio Godoy, Edison Quirino D’Amario e Raquel Ferreira da Silva. | Fotos: Miriam Jeske.
  • Dirigentes e colaboradores da ENS.
  • Neyze Pereira Rocha e Marcelo Camacho Rocha, viúva e filho de Gumercindo Rocha Filho, receberam, in memoriam, homenagem das mãos de Armando Vergilio.

Mais de 150 convidados lotaram, na noite da última sexta-feira, 13 de dezembro, o auditório do Hotel Hilton Copacabana, no Rio de Janeiro (RJ), para a cerimônia de entrega do Prêmio Nacional de Jornalismo em Seguros 2019. A solenidade foi organizada pela Federação Nacional dos Corretores de Seguros (Fenacor), com apoio da ENS e da Confederação Nacional das Seguradoras (CNseg).
 
O evento também marcou o anúncio dos três melhores classificados no III Concurso de Artigos de Professores da ENS. Apoiada pela Fenacor e CNseg, visa incentivar a Educação em Seguros por meio da divulgação do trabalho dos docentes da Instituição.
 
Professores dos cursos técnicos, de graduação e de MBA que atuaram na Escola em 2018 ou 2019 estavam aptos a participar. Nesta edição, 16 artigos inéditos foram avaliados e os três primeiros colocados receberam R$ 5 mil, R$ 3 mil e R$ 1 mil, respectivamente. O diretor geral da ENS, Tarcísio Godoy, entregou os prêmios e placas aos vencedores. Conheça abaixo os autores e títulos das melhores obras:
 
1º lugar – Edison Quirino D’Amario – “O Papel do Microsseguro Saúde nos Países em Desenvolvimento: uma Revisão da Literatura”;
2º lugar – Raquel Ferreira da Silva – “Inovação no Mercado de Seguros: o Futuro Bate à Porta”;
3º lugar – Gabriel Schulman (coautora Joana Soares Carvalho) – “Planos de Saúde Coletivos com até 30 Beneficiários: Equilíbrio Atuarial e o Pool de Risco Definido pela RN 309/2012 da ANS”.
 
Homenagem e emoção
 
No evento, foram anunciados os 12 vencedores do Prêmio Nacional de Jornalismo em Seguros, que, nesta quarta edição, teve 702 trabalhos inscritos, em quatro categorias: Mídia Impressa, Audiovisual (Televisão e Rádio), Webjornalismo e Imprensa Especializada do Mercado de Seguros.
 
Os três finalistas de cada categoria receberam um total de R$ 180 mil em prêmios, sendo R$ 30 mil para o vencedor, R$ 10 mil para o segundo colocado e R$ 5 mil para o terceiro.
 
O momento de maior emoção da solenidade foi a homenagem especial a Gumercindo Rocha Filho, presidente do Ibracor, falecido recentemente. Em sua carreira profissional, o advogado foi assessor Jurídico da Fenacor e da Susep, e prestou inúmeros serviços à ENS e aos Sincors de todo o País.
 
A viúva, Neyze Pereira Rocha, e o filho, Marcelo Camacho Rocha, receberam, in memoriam, das mãos do presidente da Fenacor, Armando Vergilio, as comendas Mérito Especial do Cinquentenário da Fenacor e de Mérito Fenacor – Grau Ouro. Além disso, foi entregue o troféu “Gumercindo Rocha Filho” ao vencedor da categoria Imprensa Especializada do Mercado de Seguros.
 
Além de Tarcísio Godoy, representaram a ENS o presidente Robert Bittar, que também é vice-presidente da Fenacor, os diretores Maria Helena Monteiro (Ensino Técnico), Mario Pinto (Ensino Superior) e Paola Casado (Administrativo Financeira), e titulares de diversas áreas da Instituição.
 
Confira aqui a relação dos vencedores do Prêmio Nacional de Jornalismo em Seguros 2019.